sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Adeus "pepioca", olá "epicoco"

O tempo passa depressa de mais! Ainda ontem parece que o Tiago nasceu, de repente já estava a começar a falar, os primeiros sons, as primeiras palavras, as primeiras frases. Hoje é um tagarela, um fala-barato, diz tudo e todos os dias aprende algo novo. Já vos brindei aqui com vários capítulos do Dicionário de Tiaguês, mas até isso começa a ficar desatualizado à medida que ele vai aprendendo mais e mais.
Tenho para comigo que não o devo corrigir diretamente nem fazer pouco das coisas que ele diz mal, mas antes repetir a palavra de forma correta para que ele possa perceber como se diz. Nem sempre resulta logo, mas ele lá vai percebendo e aos poucos vai corrigindo o seu discurso. Foi assim que o pato já virou sapo, a putina já é música e o pepioca... Calma! Não queriam já milagres, pois não? O pepioca ainda não chegou a helicóptero, mas já é um epicoco. Muito mais parecido, certo?
Isto aos pouquinhos vai lá!

Sem comentários:

Enviar um comentário